JOVEM MATA PAI COM "MATA LEÃO" PARA DEFENDER A MÃE DE AGRESSÃO

Últimas

09/08/2018 às 17h26

JOVEM MATA PAI COM "MATA LEÃO" PARA DEFENDER A MÃE DE AGRESSÃO

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 86 VEZES

Um jovem de 20 anos confessou ter matado o pai, de 40, com um golpe conhecido como “mata leão”, em Anápolis (GO). Em depoimento à Polícia Civil, o rapaz alegou ter agido em legítima defesa para proteger a mãe, que havia sido agredida pelo marido, Wanderli Rodrigues de Oliveira. As informações são do G1.
 
O  jovem se apresentou à delegacia na segunda-feira (6), três dias após o episódio. Conforme o G1, o delegado responsável pelo caso, Vander Coelho, disse que ele responderá ao processo em liberdade, uma vez que já não havia mais flagrante quando se apresentou.
 
Segundo pessoas próximas, o casal estava junto havia 21 anos, mas há quatro a mulher tentava se separar. A partir de então, ela começou a ser agredida constantemente pelo marido. Na última agressão, ocorrida na sexta-feira (3), o jovem ouviu uma discussão dos pais e interveio.
 
Segundo o delegado, o pai tentava esganar a mãe, quando o filho avançou e aplicou o golpe no homem. Em seguida, os dois caíram e permaneceram em luta corporal. “O rapaz segurava o pai com receio de que ele ainda avançasse contra a mãe ou a irmã, como era promessa dele, de que mataria a mãe, todos os filhos e, posteriormente, iria suicidar”, afirmou ao portal.
 
O jovem disse que pratica artes marciais e que tinha ciência de que manter o pai naquela situação poderia matá-lo. Em, princípio, o caso é tratado como legítima defesa. Outras testemunhas ainda serão ouvidas e a conclusão dos laudos periciais é aguardada.
 
Do Diário de Goiás

Comentários

Veja também

Facebook

Mais lidas do mês