GOIÁS

16/12/2020 às 11h23

PRF prende dois homens por fraudes em veículos semi-reboques na BR-020

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 61 VEZES

PRF prende dois homens por fraudes em veículos semi-reboques na BR-020 
 
A Polícia Rodoviária Federal prendeu nesta segunda-feira (14) dois homens por envolvimento com fraudes em semi-reboques. Um dos flagrantes aconteceu em Alvorada do Norte/GO, na BR 020, e o outro foi em Luziânia/GO.
 
Na minha primeira ocorrência, pela manhã, na BR 020, os policiais fizeram a identificação veicular de um semi-reboque e verificaram que o chassi estava adulterado. Após análise minuciosa, descobriram a identidade real do veículo. Tratava-se de um semi-reboque roubado há três semanas em Santa Maria da Lapa, na Bahia. O condutor do caminhão trator ao qual o semi-reboque estava acoplado, um homem de 48 anos, foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia de Polícia Civil local.
 
Durante a tarde, em Luziânia/GO, na BR 040, os policiais abordaram uma carreta e, quando verificaram os sinais identificatórios do semi-reboque, perceberam que o chassi não condizia com a placa que ele ostentava. 
 
Um outro veículo com a mesma placa já havia sido flagrado pela PRF em fraude em 2019. Naquela ocasião, o veículo foi encaminhado à Polícia Civil de Luziânia junto com o condutor, que tinha sido preso. No mesmo dia, o semi-reboque foi furtado do pátio da delegacia. O curioso é que o veículo hoje abordado não é o mesmo da abordagem anterior.
 
Entenda o caso
 
É uma ocorrência conhecida por fraude do RENAVAM. Um transportador compra diversos veículos e usa a mesma placa para todos eles, para evitar ter de pagar mais impostos. Ele fica transferindo a placa de um semi-reboque para o outro, sempre contando com a possibilidade de a fiscalização não realizar as devidas identificações veiculares.
 
No ano passado, esse grupo que efetua transporte de mercadorias tinha sido flagrado usando um veículo com a placa de outro. É o veículo que foi furtado do pátio da delegacia após a apreensão. Hoje usaram a mesma placa em um terceiro veículo, ou seja, mesmo após o flagrante o grupo continuou cometendo o crime. Desta vez, quem estava na condução do caminhão era o proprietário da empresa, de 37 anos. Ele foi preso em flagrante e encaminhado à 1 Delegacia de Luziânia/GO. 
 
*Mais Goiás

Comentários

Veja também

Facebook

Mais lidas do mês